Decoração

10 Tendências em Decoração para 2018

Decorar é arte, é atitude, é expressão de visão interna sobre o externo. Quando você decora, está definindo valores pessoais e os impondo sobre uma peça ou um ambiente para que o mundo fique mais belo.

E, como somos todos sujeitos à alteração de comportamento social ao longo do tempo e da instituição de costumes, vamos buscando adaptar aquela expressividade do interior à realidade que nos cerca. É por isso a arte em si é movida a tendências, a ondas. Veja aqui 10 tendências em decoração para 2018 e manifeste com satisfação o seu interior para ajudar a deixar o mundo mais bonito.

Tendências de Decoração 2018
Confira abaixo o que vai estar em alta nas decoração para 2018.

Tudo indica que 2018 vai ser o ano da intelectualidade no universo do design, mas voltada à decoração minimalista. Prepare sua graciosidade. Ela vai precisar ser inserida nesse contexto e estar presente em cada canto de seus ambientes.

A combinação de elementos que indiquem certo desapego do simplesmente ter parece que está dando lugar à ideia generalizada do ser profundamente. Arquitetos e decoradores são quase unânimes ao prever que a neutralidade das cores está de volta, seja em peças simples ou ambientes mais complexos. “É um tom que traz tranquilidade e paz ao ambiente”, explica a arquiteta Arina Araújo.

Então, abra os olhos para o novo universo da ousadia não ostentadora e mãos à obra.

10 Tendências de Decoração para 2018

É preciso lembrar que tendência é visão global sobre as ideias gerais de profissionais de determinado segmento. Trata-se do reposicionamento do pensamento desses profissionais perante as muitas alterações de comportamento e cultura a que as sociedades estão sujeitas. Com toda certeza, um ou outro conflito entre aquelas visões dão charme especial à ideia de tendências.

10 Tendências em Decoração para 2018
Tendência em Decoração: muita madeira trabalhada

O próximo ano vai ser rico em visuais leves. A busca por contrastes que se viu nos últimos anos tem perdido força e sentido perante os muitos conflitos sociais pelos quais o país está passando. Veja aqui alguns exemplos.

A Worth Global Style Network, empresa americana conhecida como grande previsora de tendências em decoração, aponta seus dedos para assegurar que 2018 é ano de redefinição na maioria das situações das sociedades. Quer na forma de trabalhar, de se divertir, de se comunicar e, especialmente na forma de estar em casa, as pessoas estarão à procura de minimalismo e simplicidade, ainda que exposta sob a ideia de intelectualidade.

Atente-se sempre para a tendência das cores e formatos abaixo.

1 – Intelectualismo Sucinto

Livros, revistas e jornais tendem a ser usados como objeto de decoração em ambiente internos. A disposição, os tamanhos e as cores aparentes facilitam muito a criatividade e senso estético.

Tendências em Decoração: tudo que lembre intelecto

 

2 – Manuscritos

Os constantes e viciantes toques de teclado e acesso a touch screen têm sido tão intensos nos últimos anos que decoradores estão bastante propícios a voltar ao bom e velho hábito de escrever. Decoração com elementos manuscritos funcionam como fuga do mundo virtual. É a procura realidades de que falamos mais abaixo.

Tendências em Decoração: louça manuscrita faz você fugir um pouco da intelectualidade.
Tendências em Decoração: louça manuscrita faz você fugir um pouco da intelectualidade.
Tendência em Decoração: manuscreva para assumir realidades
Tendência em Decoração: manuscreva para assumir realidades

3- Elemento Água

Tudo que lembrar água vai ser centro de atenção em decoração em 2018. Das referências mais tênues até as mais claras, nada vai escapar da criatividade que o visual água pode permitir. Isso se dará porque água transmite justamente a questão da opacidade e trava discussão intelectual sobre sustentabilidade.

Tendência em Decoração: água como lembrança intelectual da sustentabilidade
Tendência em Decoração: água como lembrança intelectual da sustentabilidade

4 – Bolhas de Vidro

De certa forma, trata-se de extensão do elemento água mencionado acima. A transparência absorve formas e cores vizinhas, o que permanece no conceito de neutralidade aparente.

Tendência em Decoração: transparência lembrando água e minimalismo
Tendência em Decoração: transparência lembrando água e minimalismo

 

5 – Fundo do Mar

Motivos marinhos continuam na saga de elementos neutros por causa da lembrança à água. Objetos com formato ou desenhos marinhos dão sensação plena de liberdade, o que condiz plenamente com a tendência para 2018 pela busca da realidade atual.

Tendência em Decoração: motivos marinhos são sempre bem-vindos. Nada mais intelectual atualmente. E real.
Tendência em Decoração: motivos marinhos são sempre bem-vindos. Nada mais intelectual atualmente. E real.

 

6 – Busca pelo Neutro

Designers de interiores que assimilam a ideia de intelectualidade – e são muitos – têm buscado vincular naturalmente as cores claras, não chamativas, a objetos com formas suaves.

Tendência em Decoração 2018: formas e cores mínimas, não chamativas
Tendência em Decoração 2018: formas e cores mínimas, não chamativas

7 – Mais Realidade…

As peças mostradas acima representam o lado tocável, tangível das tendências de conceito que 2018 vai fazer refletir. O levar o olhar mais para a natureza real, que indica necessidade de autossuficiência, vai ser o mote para não apenas a área de decoração e design, mas também a moda, a cultura e o comportamento geral.

8 – … com Visão de Bem-estar

A mídia tem sido atenta e produtiva na questão do bem-estar e cuidado com a saúde. Esse cuidado certamente está vinculado à autovisão sobre o corpo.

Formas que não exatamente cultuem o corpo, mas que mostrem a importância dele como caminho para o bem-estar, vão estar aparentes na decoração. E sempre unido ao pensamento do visual mínimo e do intelecto latente.

Decoração: elementos que lembram bem-estar, não exatamente culto ao corpo
Tendência em Decoração: elementos que lembram bem-estar, não exatamente culto ao corpo

9 – Madeira

É quase consenso entre designers que madeira nunca deixa de ser tendência. Para 2018, que pretende ser ano voltado ao intelectualismo, ela representa a arte pura, se bem trabalhada.

10 – Elementos naturais

Os elementos naturais, como expressão da busca por realidade e intelectualidade, tendem a se destacar nos ambientes em geral, tanto no lar quanto no trabalho. E a madeira, mencionada acima, vai ser o que arquitetos e decoradores mais sugerirão como visual predominante.

Tendência em Decoração 2018: material feito em argila.
Tendência em Decoração 2018: material feito em argila.

Exteriorize sua harmonia pessoal com as tendências em decoração para 2018. O ano promete ser profundamente mínimo, o que parece contradição. Por outro lado, motivos com algum vínculo a intelecto/conhecimento vai contrapor um tantinho, mas não claramente.