Quartos

10 dicas incríveis sobre Guarda Roupa Planejado

Atualmente, tanto as casas quanto os apartamentos estão cada vez menores, para que mais pessoas possam residir no mesmo local, por isso que os apartamentos mais antigos são mais espaçosos. As casas são mais personalizadas, desenvolvidas de acordo com a necessidade dos moradores, uma casa desenvolvida para um casal possui uma estrutura diferente de uma casa com crianças.

10 dicas incríveis sobre Guarda Roupa Planejado

Guarda Roupa Planejado

Devido a essa necessidade de personalização, que os móveis planejados estão ganhando cada vez mais espaço. Existem dois motivos que são estão motivando esse crescimento dos móveis planejados: economia de espaço e sensação de exclusividade. Dentre os móveis que estão ganhando espaço, o guarda roupas é o queridinho, liderando as buscas por modelos.

Não é muito difícil para que você encontre um guarda-roupas que atenda a sua necessidade, permitindo a organização de todos os itens sem que a beleza do ambiente seja comprometida. Existem diversas fábricas e lojas voltadas para criação de projetos personalizados de acordo com o seu bolso e espaço disponível.

Vale lembrar que o custo de um armário planejado é maior do que um armário comprado em uma loja de móveis ou de departamento, esse custo a mais deve-se ao fato de que todos os detalhes são pensados, desde madeira que será utilizada até a quantidade de gavetas e divisórias que terá no armário bem como os puxadores que serão utilizados.

10 dicas incríveis sobre Guarda Roupa Planejado

  1. Escolha a madeira adequada ao seu perfil: para quem está buscando economia, MDF é a melhor escolha, é uma madeira reciclagem de baixo custo e com boa durabilidade. Se você está buscando qualidade e não está se importando com preço, existem madeiras mais nobres que possuem alta durabilidade.
  2. Portas: As portas precisam ser pensadas com cuidado, pois elas influenciam diretamente no espaço que você tem disponível. A melhor opção são portas de correr, pois economizam o espaço interno além de dar um charme especial no cômodo em questão.
  3. Espaço interno: o planejamento de divisão precisa ser coerente com a quantidade de roupas e tipos que serão armazenados no guarda-roupas, um armário de casal precisa ter espaços separados para ternos, camisas sociais, vestidos longos e curtos para que tudo fique organizado da melhor forma.
  4. Quantidade de gavetas: a quantidade de gavetas deve ser pensada seguindo a mesma lógica da divisão interna, onde deve ser pensado em gavetas para roupas intimas, roupas de cama e banho e outras roupas, bem como documentos.
  5. Modelos: existem diversos tipos e tamanhos de guarda roupas planejado, é importante planejar de acordo com o espaço disponível.
  6. Integração com outros móveis: se seu espaço for muito pequeno, você pode integrar a sua cama ao seu armário, torna-se um móvel apenas.

  1. Preço: o preço do projeto deve ser levado em consideração no momento do orçamento, lembre-se que o tipo da madeira, quantidade de divisões e gavetas influenciam diretamente o valor final.
  2. Cor: a cor precisa se integrar perfeitamente com o ambiente em questão, opte sempre pelas cores neutras e em tons claros, para dar amplitude ao cômodo.
  3. Escolha do local ideal: por ser um armário que ficará no mesmo lugar sempre, vale a pena pensar e repensar qual será a parede que ele será colocado e se não existe nenhum encanamento que possa dar problemas futuramente.
  4. Cofre: por ser um armário planejado, você pode incluir no projeto um cofre para armazenar os itens de mais valor.